[Resenha] Demônios Não Choram - Samuel Cardeal

O ano é 2184, a tecnologia avançou de forma veloz e assustadora. A sede do homem pelo “progresso” fez se exaurir grande parte das reservas naturais do planeta. Diante da escassez geral de alimentos e fontes de energia, a terceira grande guerra foi inevitável. Depois de um confronto sangrento de violência irracional e desenfreada, a guerra acabou, e o resultado: todos foram derrotados. O mundo que conhecemos hoje foi reduzido a destroços de uma civilização que não mais existe. Mais de 90% da população foi dizimada. Diante da fragilidade dos sobreviventes, as criaturas que antes viviam nas trevas, escondidas e agindo enquanto todos dormiam, fizeram do planeta destruído seu domínio. Os humanos, aterrorizados, passaram a se esconder em abrigos subterrâneos e em velhas galerias de esgotos. É nesse cenário caótico que Ezequiel, um caçador de demônios, viverá a jornada que mudara totalmente o rumo de sua vida e da de muitos outros. Um cavaleiro solitário que vaga pelas terras devastadas, caçando e eliminando os Filhos do Inferno. Mas Ezequiel não tem esperança de um futuro melhor, persegue os infernais somente por ser a única coisa que sabe fazer. Quando o caçador, após um exorcismo, se vê obrigado a levar consigo a menina que salvou, uma onda de acontecimentos o conduz à derradeira aventura que culminará no embate final entre a Terra e o Inferno. Somente um será o vencedor, e o destino do que resta da humanidade depende da coragem de Ezequiel e dos aliados que se juntarão a ele nesta incrível e perigosa jornada. Se falharem, Terra e Inferno passaram a ser um só mundo, de eterno castigo para todas as almas humanas.

Autor: Samuel Cardeal
Ano: 2013
Editora: Auto publicação
Categoria: Distopia, sobrenatural
Nota: 5/5


Olá amores,

Hoje trago a resenha de um livro muito especial, que eu tive o prazer e a honra de ler bem antes de sua publicação, quando ainda estava sendo revisado pelo autor, Demônios não Choram, de Samuel Cardeal. Só tenho a agradecer pelo carinho e confiança ao Samuel, que até acrescentou meu nominho nos agradecimentos da versão final do livro *AiQueTudo*. Eu já li o segundo livro dele também (que não é continuação desse, antes gere a dúvida, :)), e confesso que gostei ainda mais que desse, rs, mas como desse segundo eu ainda não posso falar, vamos ao que interessa:


Demônios Não Choram
Suspense, mistérios e açao se misturam nesse futuro caótico

Imagine um mundo destruído por guerras e abuso à exaustão dos recursos naturais. Imagine que até mesmo outros astros, como o Sol, foram afetados por esse mal uso. Imagine os poucos humanos restantes tendo de viver e se esconder em abrigos subterrâneos e se alimentar de dos seres mais nojentos possíveis, como forma de sobreviver. Junte tudo isso ao medo e pavor de demônios que assombram suas vidas. O cenário realmente não é dos melhores, não é? Mas no meio desse caos existe pessoas dispostas a lutar e combater, então adicione à mistura exorcistas competentes, aliados confiáveis e uma boa dose de ironia. Imagine tudo isso, e você terá o contexto da vida na Terra em Demônios não choram. Dosando bem suspense, ação e mistérios, essa obra que mistura distopia e terror irá prender sua atenção do início ao fim.

São diversas as manifestações do maligno, e cada uma delas demanda um tipo diferente de arma, um tipo diferente de proteção. As lendas sobre eventos sobrenaturais sempre existiram e seres míticos sempre foram temidos. Vampiros, fantasmas, poltergeist’s, lobisomens, monstros e criaturas de todas as espécies. Suas origens foram contadas por gerações, mas por aqueles que pouco conheciam sobre a verdade. Todas essas manifestações misteriosas, que geram tantas versões não confirmadas de uma mesma história têm uma única origem: Demônios.
Capítulo 1

Demônios não choram é o romance de estreia de Samuel Cardeal, e conta a trajetória de Ezequiel, um jovem muito inteligente que passa os dias exorcizando demônios, literalmente! O livro retrata a Terra no século XXII, um planeta pós guerras, no qual os recursos naturais foram exauridos, e a atividade demoníaca é não apenas conhecida mas também muito temida. Os humanos restantes vivem, ou melhor, sub-existem, em abrigos subterrâneos, construídos pelo governo na época das guerras.

Logo o início do livro vemos o protagonista saindo de Belo Horizonte a caminho de uma casa mal assombrada na Bahia, onde salva uma garota possuída da morte certa. Não tendo onde, nem com quem deixar a menina, Lília, ele acaba se vendo preso a ela, e tendo de levá-la consigo em algumas importantes aventuras.

Em meio a tudo isso, e com cortes de capítulos excelentes, vamos conhecendo um pouco do passado de Ezequiel e também de outros personagens importantes na trama, como Don Giovanni e seus filhos, Alfredo e Antônio.

Ezequiel é um verdadeiro milagre da natureza. Nunca conheceu seus pais e conseguiu sobreviver a uma infância solitária e na superfície. É extremamente inteligente, e aprendeu a ler, escrever e conhecer de tudo um pouco, de filosofia a ciência, por conta própria, a partir dos livros que foi encontrando por aí. Ainda criança ele conhece Elias, um garotinho que havia se perdido do pai, e promete ajudá-lo a encontrar seu lar. E é por meio de Elias que o garoto toma conhecimento da existência de demônios e acaba se envolvendo com exorcismos, até se tornar um dos melhores exorcistas existentes. Não vou falar mais dessa relação, nem como ele se envolve nesse mundo dos caçadores de demônios, para não soltar muitos spoilers, rs.

Já com Don Giovanni vamos do passado ao futuro, já que sua trajetória começou na Itália por volta do início do século XX, e depois de muitas atitudes inescrupulosas e criminosas vemos o homem literalmente vendendo sua alma e as consequências que isso acarreta, numa história que duraram mais de um século.

Gostei muito da construção dos personagens, e dos capítulos flashbacks que contam suas trajetórias e nos ajudam a entender suas verdadeiras personalidades. Além dos já mencionados, um personagem que eu gostei muito foi Salomão, que é um exorcista veterano, e que foi um dos mentores de Ezequiel. E também tem o Receptáculo, um ser maléfico que foi trazido para exterminar as almas boas que ainda existiam na Terra, e que, de certa forma, é um conhecido nosso #Palpites?#.

Eu sempre fui fã assumida de sobrenaturais, mas acho que o melhor seria dizer alguns seres sobrenaturais, como vampiros, anjos e lobos, por exemplo. Mas sempre tive um pouco de receio com livros envolvendo demônios (para não dizer medo mesmo, rs), mas Demônios não Choram foi realmente uma grata surpresa, porque é super bem escrito, com passagens fortes, mas focadas no suspense e mistério, sem apelar para cenas nojentas ou desnecessariamente assustadoras.

Os elementos históricos presentes no livro são incríveis, e demonstram que o autor realmente pesquisou profundamente os temas abordados. A narração é em terceira pessoa, e a construção dos capítulos foi muito bem feita, com todos bem amarrados, e sempre terminando de forma a te deixar super curioso para saber o que vem depois. E o final do livro é sensacional! As coisas vão desencadeando e se desenrolando de tal forma que é impossível não torcer pelos personagens, ainda mais com revelações bombásticas desse final.

Recomendo muito o livro, e preparem-se para algumas surpresas e fortes emoções.

23 comentários

  1. Adorei a resenha, Bruna, minha blogueira predileta

    Confesso que meu coração disparou enquanto lia.
    Muito, muitíssimo obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. de nada, e eu que tenho que agradecer a confiança e oportunidade de ler o livro (antes de todo mundo, rs)
      bjus

      Excluir
  2. Oi Bruna,
    Distopia com terror? nossa, que interessante rs
    Gostei de saber mais sobre o livro que me parecer ser muito interessante. Que legal que tem informações históricas e o final é surpreendente.
    bjs

    http://entrepaginasesonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é legal sim Joyce, e o que mais gostei é que ele traz uma figura história super importante sem mencionar o nome diretamente, rs, mas sabemos que é

      Excluir
  3. Oi Bru,
    tudo bem?
    Parabéns pela resenha, muito bem escrita!!! Eu já tinha lido sobre esse livro e adorei a história e corri para contactar o Samuel que é super simpático. Eu estava com muita vontade de ler o livro e depois da sua resenha, acho que não irei me decepcionar.
    Sucesso para a parceria de vocês e sucesso para o Samuel!!!!!!
    beijos.
    Cila- Leitora Voraz
    http://www.cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ele é muito simpático mesmo, e o livro é ótimo, vale a pena
      bjus

      Excluir
  4. Oie,
    eu não conhecia o livro e confesso que não gostei muito da história, mas adorei sua resenha.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  5. O título é bem sugestivo, mas eu não sei se leria mesmo, tenho medo dessas coisas. hahhahaa
    Espero que possa ler um dia e constatar.

    Clicando Livros
    Beijos ;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkk, também tenho um pouco de medo, mas é muito bom
      bjus

      Excluir
  6. Oi Bru!
    Nossa! Adorei a resenha! é um livro que já pela capa chamou minha atenção.
    Com certeza vai pra minha lista de leituras que já não é nada pequena e aumenta a cada dia! :)

    Beijusss;
    http://hipercriativa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. acho que você vai gostar, por aborda bem o tema sobrenatural, rs
      bjus

      Excluir
  7. Nossa que livro assustador e ao mesmo tempo instigante...
    Uma boa dica para mudar os ares né Bruninha!
    bjkas
    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é sim Dani, se você quer experimentar um livro diferente dos que está habituada, é um bom começo, rs
      bjus

      Excluir
  8. Meu Deus fiquei com medo só de ler essa resenha imagine o livro rsrs

    Morro de medo de seres do mal ... kkkk mas o livro parece ser bom e hoje em dia livro único esta nas minhas opções de leitura :)

    Beijos

    http://www.livrosechocolatequente.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é bem legal Andressa, mas o tema da medo as vezes, rs
      bjus

      Excluir
  9. Caramba, que livro e que resenha instigante.
    Parece um roteiro para filmes apocalípticos, mas se passando no Brasil.
    Amei e fiquei bem curiosa para lê-lo.
    ;)
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o fato de se passar no Brasil foi o que mais gostei, mas ele visita outros país também, rs
      bjus

      Excluir
  10. Sua resenha ficou fantástica, vc esclareceu todas as minhas dúvida sobre o livro pq tbém fico com o pé atrás com demônios e zumbis, mas a forma como vc falou me deixou tranquila. Vou ler em breve \o/ parabéns pela leitura, resenha e pela ótima opinião.

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada Aline, e espero que goste
      bjus

      Excluir
  11. Eu amo livro de terror, apesar de ser proprietária de um blog de literatura infantil.
    Espero ter a oportunidade de ler esse livro.

    estantedomanuel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Necessito desse livro alguem me dá?

    ResponderExcluir
  13. Adorei a resenha, já coloquei o livro na minha listinha de compras pra 2014! :D

    Bjoks da Gica.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, e volte sempre!
Comente, opine! Cometários são sempre bem vindos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...